OBESIDADE EM COELHOS

A obesidade é SEMPRE um problema para todos os animais, e lógico inclui os coelhos. Assim como em humanos, cães, gatos, aves e repteis, o excesso de peso infelizmente influencia diretamente na saúde do seu coelho e é considerado um problema.



O que causa a obesidade em coelhos?


Comer muita ração e muitos vegetais frescos (o que não inclui o feno de capim) é normalmente a razão da obesidade em coelhos, mas esse fator por si só, em geral, esse não é um problema que vai afetar um coelho muito ativo.


Os coelhos precisam ingerir mais calorias do que estão gastando para ganhar peso e, como muitos coelhos de estimação infelizmente ficam presos a maior parte de suas vidas, a obesidade é um problema comum, justamente porque eles não fazem o exercício de que precisam.

As guloseimas (biscoitos) também contribuem para o problema da obesidade em coelhos de estimação e são comercializadas como fofas, mas o fato é que seu coelho não se importa com a aparência da comida. Mas muitos tutores cedem aos truques e querem dar a seus coelhos o que as lojas têm a oferecer.


O fato é que estar “parado” é o principal motivo pela obesidade em todas as espécies. Coelhos não são exceção, eles são feitos para pular e correr, mas muitas vezes os mantemos contidos em pequenas espaços ou apenas permitimos que fiquem soltos por curtos períodos. Sem nada para fazer além de comer, dormir e ganhar peso. E é justamente essa falta de exercícios pode criar uma infinidade de problemas para o seu animal.


Como você pode saber se seu coelho é obeso?


Ser obeso significa que seu coelho possui muito mais gordura do que é saudável para o tamanho do corpo. Lembrando que cada raça de coelho tem um conjunto diferente de padrões que definem qual deve ser o tamanho e o peso normais em particular. Esses padrões devem ser usados ​​como orientação para ajudar você e seu veterinário a avaliar se seu coelho pesa ou não uma quantidade adequada.

Par ajudar na sua avaliação, disponibilizamos uma tabela de escore corporal aqui em nosso blog e você pode acessá-la neste link. Seu veterinário também pode ajudá-lo com esse processo se você não tiver certeza de como avaliar o animal.


Sabemos que a obesidade esteja associada a muitas doenças, incluindo neoplasias, pododermatite, problemas respiratórios, problemas intestinais, entre outras coisas. É claro que estas doenças também podem ser causadas por outras fatores, mas nenhum tutor que se prese gostaria de contribuir conscientemente para deixar seu coelho doente.


Coelhos com excesso de peso não conseguem se limpar adequadamente, sendo mais propensos a ter áreas sujas em seu corpo que atraem moscas (especialmente nas regiões próximas ao retro). As moscas vão até o local, põem ovos que irão se transformam em larvas rapidamente, e, se o tutor não verificar regularmente o animal, as larvas podem facilmente passar despercebidas por um tempo, causando feridas, infecções secundárias ​​e até danos internos irreparáveis que podem até levar o animal a óbito se não cuidado a tempo.


A pododermatite, também é conhecida em seu termo em inglês “bumblefoot”, é geralmente associada a problemas de postura e uma vida sedentária, um coelho obeso acaba sobrecarregando os pés. Outros fatores contribuem, como superfícies ásperas e sujas. A pododermatite é grave e muito dolorosa, sendo de difícil tratamento. Os primeiros sinais geralmente incluem dificuldade de apoio e até presença de algumas gotas de sangue pelo chão.

Problemas intestinais, principalmente a estase intestinal é sem dúvida o problema mais comum em coelhos de estimação e são várias às suas causas. A obesidade por si só pode não fazer com que um coelho desenvolva problemas intestinais, mas por causa de todos os outros problemas que podem estar associados à obesidade, é definitivamente um fator que contribui.


É comprovado que a obesidade também está diretamente ligada a maior probabilidade da ocorrência de câncer em pessoas, então também pode haver as mesmas consequências para os coelhos de estimação.


O que se pode fazer para prevenir e até reverter a obesidade em coelhos?


Obviamente para prevenir a obesidade o animal deve ser receber uma dieta apropriada e ter liberdade para se exercitar. O feno de capim é vital para a saúde do seu coelho e deve ser a parte principal de dieta. Pellets, vegetais frescos (principalmente tubérculos como a cenoura) e guloseimas geralmente são fatores que contribuem para o ganho de peso, portanto, devem sempre ser oferecidos com moderação para animais adultos.


Evite alimentos açucarados e cheios de gordura, como frutas maduras, iogurte, sementes (girassol, amendoim) e outros tipos de cereais. Em vez disso, reserve um pequeno pedaço de algum vegetal (que o animal goste) em particular, como um deleite especial para o seu coelho, algo que ele só irá receber como brinde.


Deixe seu coelho correr. Evite ao máximo gaiolas, mas sim um cercadinho ou até mesmo um cômodo à prova de coelho, o que não apenas manterá seu animal mentalmente estimulado, mas também o manterá em forma fisicamente.


Se você não tiver escolha e precisa manter o animal em uma gaiola, ainda poderá dar tempo para ele se exercitar. Os cercadinhos são uma opção melhor para garantir que o coelho não entre em uma área insegura. Separe pelo menos três horas por dia deixando o coelho livre para brincar e se exercitar. Lembre-se que na natureza os coelhos correm vários quilómetros por dia, sendo assim, o mínimo que podemos fazer é deixá-los brincar em nossas casas por algumas horas.


Gostou? Se inscreva para receber notificação de novos posts!

Curta, comente e aproveite para deixar sua sugestão para um novo tema!

Sua opinião é muito importante para manter o BLOG atualizado. :)

Posts Recentes

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização